sexta-feira, 30 de abril de 2010

Caça à multa

Juro que não entendo aquela malta de decora as matriculas dos carros da PSP, GNR, Nárcóticos e como se não bastasse as matriculas ainda decoram as marcas dos carros, modelos, anos, etc...
Não entendo também quando ainda formulam um texto com essa tralha toda e mais a informação dos novos radares espalhados por este Portugal todo e entopem a caixa do email com isso... isto será útil para prevenir algum eventual condutor que goste de carragar no pedal do lado direito do seu carro mas que tenha uma boa memória e que não seja distraído. Eu nem a matricula do meu carro sei e lembrar-me que em tal lugar vai haver um radar também não é coisa fácil por isso já temi muitas vezes a chegada de uma carta em casa, mas tal nunca aconteceu.
Mas hoje, logo hoje, recebi um desses emails com esses dados todos que quase me vez começar a chorar a potes. 
Isto porque, neste preciso momento, para  conseguir ultrapassar algum limite de velocidade só se for quando estiver atrasada para o trabalho, porque é ver-me a correr desalmadamente pela Avenida 5 de Outubro abaixo. Mesmo assim, duvido que consiga atingir o limite de velocidade.
Por isso já sabem se verem alguém com um aspecto duvidoso a correr a umas horas não muito normais há uma grande possibilidade de ser eu...

quinta-feira, 29 de abril de 2010

Sou só eu que me farto de rir a ver esta série?!?
Sei que há séries bem melhores, mas esta é leve e vê-se bem durante 20 min.

Como as pessoas mudam de opinião...

...e de que maneira.
Por exemplo, eu detestava barbas, era uma coisa que me causava assim a modos que impressão. Isto porque em tempos, um dos meus ex's tinha a mania de não fazer a barba e era a minha cara ficar toda vermelha e por vezes até fazia feridas. Levei anos com esta opinião e sempre disse que nunca acharia sexy aquela barbinha de 3 dias.
Mas isso era até há uns tempos, agora acho terrivelmente sexy essa dita barbinha de três dias...é que ficam tão cutxi cutxi que dá vontadinha de dar muitos beijinhos... mas não estou a dizer que dou muitos beijinhos é só mesmo vontadinha porque assim que aquilo me pica na bochecha é para esquecer, mas que eles ficam fofos lá isso ficam.

terça-feira, 27 de abril de 2010

A água e o azeite não se misturam. 
Por mais que se agite e misture não há nada a fazer.
  Há certas pessoas que também são assim, não se misturam, não se entendem.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Lisboa, oh Lisboa... tenho uma paixão por esta cidade que nem sei explicar, adoro tudo, tudo tudo. 
Até gosto de andar perdida a tentar entrar na 2ª circular e vê-la ali tão perto e sem encontrar a entrada, gosto de ter de parar ao pé das paragens de autocarro para me tentar localizar e ver para onde quero ir, adoro andar por cima das coisas sem saber que elas estão por baixo, adoro fazer figurinhas tristes porque não faço a menor ideia onde estou... agora o que me aborrece mesmo são os centros comerciais...em cada esquina há um ou dois, centenas de lojas iguais, barulhentos, cheios de luz artificiais e pouco dinheiro na carteira para gastar. 
Isto tudo para dizer o quê?!? Que fiz 300km para ir comer Cupcakes e para ir ao Starbucks. É que além disso, não fiz mais nada que dormir e beber. Se fico chateada, sim fico um bocado. Não acho piada nenhuma a fazer uma data de km para ficar em casa.
Não achei assim muita piada aos cupcakes e sinceramente não me parece que os vá voltar a comer. Eu que sou uma gulosa de primeira esperava algo que me deixasse ali a babar, mas pelo contrário... porque os queques ali da padaria atrás do boteco até são bem melhores, não têm é aquele creme por cima. Mas cupcakes à parte, expliquem-me lá quem é que foi o crânio que resolveu fazer um centro comercial debaixo da Praça de Touros? Já sei o que pensam, foi esta algarvia montanheira para a capital e não entende nada de nada. Pois bem, da próxima vez digam-me que o centro comercial fica por baixo da praça e não na praça... é que todas as pessoas me diziam: ah e tal isso é na Praça de Touros. Fiz cá uma figurinha de campónia que só visto... mas o frappucino que fui beber no Starbucks a caminho de casa fez-me sentir bem melhor...lol
Mas o que me deixou mesmo triste foi nem ter aproveitado a vista maravilhosa sobre o rio...é que era menina de aproveitar aquela vista ao máximo e não me cansar de tirar fotos...mas só o vi à saída e à entrada :(...
aqui já estavam assim para o derretidos, já tinham ficado dentro do carro umas 2hrs mais a viagem de volta...

quinta-feira, 22 de abril de 2010

Olhá rubrica aqui do boteco...um dia antes mas esta coisa de agendar pots comigo já não funciona e como amanha não terei tempo e como hoje também já estou a ouvir...

Gostaram do titulo deste post, lol... é efeitos do que estou a ouvir. É a parvidade no seu auge. 
Na próxima semana vou acordar ao som de Vaya con Dios, The best of.
Sei que tenho ainda umas quantas recomendações vossas para ouvir, mas esta semana quero ver se a coisa anima e com este cd transformo-me. Garanto que qualquer um de vós ia gostar de acordar comigo esta semana. Isto porque (não comecem com pensamentos perversos ok), quando oiço este cd é ver-me a sorrir, a transbordar de boa disposição e a dançar (dançar ou pular ou qualquer coisa que signifique mexer-me, mas recordem-se que não sei dançar). Por isso as minhas manhãs são mais divertidas, alegres e cheias de ritmo.


Quando chegamos a um ponto em que não dá para seguir em frente, ou seja, temos que decidir virar à esquerda ou à direita. Pois bem, cheguei a esse ponto. Não aconteceu nada de mal, simplesmente já não faz sentido como fazia há tanto tempo atrás. Já não há nada de novo, nada que me cative, nada que possa aprender com gosto e motivação. E eu preciso de motivação. Sempre precisei de sentir que há algo para aprender, algo novo. Já não há mais nada... é como chegar ao último nível do farmville, joga-se mas não tem nada de novo (pelo que me explicaram). E preciso de algo novo, preciso do factor descoberta na minha vida. Ontem senti aquele aperto no coração que me transmite a ideia de que acabou ali, que não dá mais. Isso é positivo. Deixa-me a sensação que fiz tudo o que tinha de fazer, aprendi, vivi e é tempo de seguir para os lados. Não é o melhor momento, tenho consciência disso, mas o que tiver que ser, será.

quarta-feira, 21 de abril de 2010

O facebook não me deixa criar uma conta aqui para o Desabafos. Se estou chateada, sim estou. Queria tanto, mas tanto criar o meu grupo que agora vou fazer birra e vou para o hi5 (isso ainda existe?).

O dia em que te esqueci...

Ofereceram-me este livro. Ou melhor, a minha mana ofereceu-me este livro :). No dia em que ela mo deu comecei logo a ler e já estou mesmo a acabar. Na minha opinião é um livro forte e que me faz pensar em muitas coisas. Tem partes que me sensibilizam tanto que dou comigo quase a chorar (sim, ando muito sensível)...
Na verdade ao ler este livro uma das coisas que mais me deixa a pensar são as amizades coloridas. Para mim, essas amizades têm muito que se lhe diga, ou funcionam muito bem e continuam, ou simplesmente acabam aí. Na realidade conheço muito poucas histórias dessas com finais felizes, porque por mais que fique decidido ou acordado que não passará de uns pirafos aqui e ali quando não há mais ninguém, a coisa acaba sempre por dar para o torto para um dos 'amigos'. Claro que também sei muito bem que há pessoas que têm uma capacidade espectacular para separar as coisas, mas são tão poucas... uma grande maioria deixa-se apanhar por um enredo de sentimentos supostamente 'proibidos', que por norma acaba por ser só de uma das partes, e no fim há sempre um que fica a sofrer por um amor que afinal não é amor... Não critico quem o faz, longe de mim fazer tal coisa, mas não acredito que esse tipo de relações funcione a 100%. Sei que há casos e casos, mas não me venham cá com balelas, sabemos nós quantos sentimentos ficaram por dizer depois de uns pirafos... sabemos nós se aquela pessoa não nutre sentimentos que nunca vai revelar porque afinal somos amigos de pirafos e não vamos estragar amizades.
Ok, estou a generalizar, podem atirar pedras mas nunca se esqueçam que todos temos telhados de vidro.

Não sou contra. Não sou a favor. Simplesmente estou vivendo...

'Os amores são para ser vividos, sonha-los não basta. São para consumir, até que morram, talvez, mas sem medo, com ganas, com desejo, com vontade, como se não houvesse amanhã, porque, em abono da verdade, ninguém pode saber se amanhã, precisamente à hora em que escrevo estas palavras, ainda cá estaremos, eu , tu qualquer uma das pessoas que amamos.' Margarida Rebelo Pinto, O dia em que te esqueci

terça-feira, 20 de abril de 2010

Vou escrever muitas vezes, pode ser que assim interiorize mais facilmente.

Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.Vou controlar-me.
 
 
Porque ninguém tem culpa que as coisas não me corram como eu quero e porque tenho que aprender a dar valor ao que ainda tenho e não ao que queria ter. Um dia hei-de lá chegar.

segunda-feira, 19 de abril de 2010

E acabou assim...

A mana esteve cá e para estarmos um bocadinho juntas fomos às compras e fizemos a jantarada cá em casa, camarão cozido, legumes agridoce acompanhados com arroz branco (muito bom mesmo) e uma boa garrafa de vinho verde. Foi bem divertido e ficámos alegres graças ao vinho...Digam lá que não tem bom aspecto?

 Uma refeição saudável mas muito saborosa :)

Obras na casa do lado



Pensava eu que tinha uma boa relação com a minha vizinha...pois bem devo ter-me enganado. Então não é que a sra começou com obras lá em casa e não me disse nada... estou fula da vida, não dormi nada de nada e ainda por cima acho que a qualquer momento a casa vai cair-me em cima...humpf

sábado, 17 de abril de 2010

Sei que me contra-digo, mas fazer o quê?

Sei que há poucos dias disse que estava aquele tempo tempestivo e que o adoro. Pois é verdade, adoro esse tempo, adoro ficar na minha cama a ouvir a chuva a bater na janela, ouvir os trovões lá longe (mas só longe por quando estão cá pertinho é ver-me dar com cada pulo da cama que só visto), de ouvir o vento, essas coisas todas invernais... Mas S. Pedro já chega desse tempo, quero um pouco de sol e praia. Já me sinto preparada para os 6 meses de sol escaldante e calor insuportável que se avizinham. Já quero usar havaianas e roupa leve. Quero ir para a praia ver o pôr do sol, comer um bom de um gelado, conversar até não haver mais sol. Beber agua fresquinha que até me faz doer a garganta, dar uns valentes mergulhos na água salgada e na piscina da Su, apanhar sol e ficar assim com um tom de pele mais para o bronzeado (que nunca chega mesmo a ser bronzeado), enfim quero o Verão e o bom tempo. Quero mais finais de dia na praia da Amoreira e quero relaxar...por isso S. Pedro arruma a bagagem e vai para outra freguesia que aqui já queremos o bom tempo.


sexta-feira, 16 de abril de 2010

Olhá rubrica aqui do boteco...que esta semana chegou cedo, cedinho quase com o nascer do sol!


Esta semana o cd vai ser, nem mais nem menos que: Skin com Fleshwounds. E perguntam-se vocês porquê? Ao que eu respondo que adoro e amo este cd. Não haveria melhor cd para evidenciar o meu estado de espírito nestes últimos dias, ou semanas ou meses.
Não vale a pena tentar dizer qual é a minha música preferida porque não conseguiria escolher só uma quando todas me dizem tanto. Enfim, nada a fazer e como vou despertar com estes sons não se admirem do tipo de posts que vão andar por aqui ao longo da próxima semana. Pode ser que seja desta que arranje palavras para descrever tudo aquilo que sinto e que me vai na cabecinha...

quinta-feira, 15 de abril de 2010




Vou só ali fazer:

Birra

Bater o pé

Beicinho
e já volto!

E o tempo está assim tempestivo, ventoso, chuvoso e tudo o mais e sabem que mais, eu gosto e adoro. Claro que também quero sol e calor, praia e escaldões (também não preciso de exagerar), gelados e esplanadas, chinelos e blusas leves, noitadas e festas de espuma (nem por isso porque a espuma causa-me alergia e depois é ver-me com um coceira pelo corpo todo), dias maiores e noites menores, quero sorrir e usar os meus oculos de sol novos, mas eu gosto deste tempo. 
Que fazer?!?
Nada, deixem a gaja ser feliz nem que seja por um dia,lol...tenho que começar a ter horários normais como as pessoas normais :)

quarta-feira, 14 de abril de 2010

Semana Académica 2010

Só queria ir mesmo um dia mas pelo que parece vou a dois. Agora tentem lá adivinhar quais são???

Já agora, não percebo nada de design mas sou só eu que acho este cartaz assim para o feiotinho?!? ok, já sei que gostos não se discutem...
Sou daquelas gajas que quando gosto de alguém, gosto a sério. Só consigo gostar de uma pessoa da cada vez. Pior mesmo é que quando gosto de alguém sou capaz de fazer tudo pelo gajo. Sou daquelas gajas que aborrecem de tanto quererem agradar um gajo e é até que o gajo acaba por se fartar ou então abusar. Nunca me pediram mas se me olhassem com aqueles olhinhos de cãozinho abandonado acredito que era capaz de beijar o chão que ele pisa. Sou daquelas gajas a quem eu diria : 'Helloooo, get a life' .
Sim, sou daquelas gajas irritantes que critica as outras quando vê este género de figurinhas mas depois acabo por fazer o mesmo...exactamente o mesmo. 
Chego à conclusão que não é defeito é mesmo feitio.

segunda-feira, 12 de abril de 2010

Às vezes só queria conseguir controlar o que sonho. Melhor, só queria mesmo ter uma noite em que não sonhasse. Estou cansada, esgotada de todas as noites ser esta roda viva de sonhos que me esgotam... já que no dia a dia não posso controlar uma monte de coisas pelo menos nos sonhos era bom. Quero dormir uma noite descansada e sem sonhos...




 Ainda por cima acabei de ler que dormir mal engorda... bem que posso correr na maratona porque a dormir a quantidade de horas que durmo e como durmo não vai ser tarefa fácil...

sábado, 10 de abril de 2010

Olhá rubrica aqui do boteco...fora de horas mas a tempo.

Esta semana estava a tentar ouvir a recomendação do Menino do Mar mas não consegui encontrar nenhum link (tudo perfeitamente legal como é óbvio) disponível para ouvir Nina Simone - The soul of Nina Simone, por isso fiquei-me pela sugestão do Hugão e vamos ouvir Pink Floyd - The Wall que também deu uma trabalheira desgraçada para arranjar...e como é um cd duplo vamos ficar pelo primeiro. Para mim vai ser uma descoberta porque além da Another brick the wall não conheço nada de nada. Lá em casa isso era proibido e se a minha mana não gostava eu também não ouvia...

Mais uma vez peço desculpa se me enganei na capa do álbum, mas esta foi a que apareceu nas minhas pesquisas.

As coisas que eu descubro, o cd que arranjei tem menos 2 músicas do que devia...secalhar faltam-me as tais, aquelas músicas que fariam toda a diferença!!!

quinta-feira, 8 de abril de 2010

Deram a ideia, agora escolham :D

Caros leitores e leitoras, aí do lado direito está em aberto uma votação para darmos nome ao grupo do facebook. O tal que me sugeriram fazer por causa deste post. Se quiserem dar mais sugestões aceito. Estes nomes apareceram de uma conversa com a Mariquita. Escolham o melhor ou dêem mais sugestões, vamos fazer desse o maior grupo do facebook (lololol)

The Time is Now



'Give up yourself unto the moment
The time is now
Give up yourself unto the moment
Let's make this moment last'
 
 
Simplesmente adoro.
E já vai em 3 dias os espirros, a pele do nariz irritada, o frio constante, a tosse e acho que fico por aqui.
Nunca pensei que o meu lindo nariz conseguisse ter tanta porcaria lá dentro, sei que dispensam pormenores, mas já estou cansada de andar constantemente a assoar-me e parece que nunca mais acaba. 
A Primavera já chegava ao fim...é que eu sou demasiado sensível ao sol nesta altura do ano...basta apanhar um bocadinho de sol e um vento frio e já está o caldo entornado. Este ano já tive doente umas 4 vezes e já estou farta. 
É só de mim ou as pessoas estão loucas, já fazem praia e banham-se como se estivessem em pleno mês de Agosto.

quarta-feira, 7 de abril de 2010

Escolho-os a dedo e mesmo assim não acerto


Não sei, mas devo ter algum defeito de fabrico. A sério, até agora pensava que seriam apenas coincidências da vida, mas depois desta situação tenho certezas...

Imaginem a Gaja num bar a mirar o que por ali anda e descobre o pseudo homem da sua vida (por aqui logo um big LOL). Conversa puxa conversa fico logo ali a saber metade da vida do rapaz porque afinal é irmão de uma amiga de uma amiga (confuso mas verídico). A metade da vida do rapaz que fico a saber tem assim uns contras mas nada melhor que conhecer a pessoa em questão para tirar conclusões.
Agora o bom da coisa foi a irmã ter dito: 'O meu irmão pode ser muito boa pessoa agora não é para as minhas amigas.'
Ouvindo isto assim à primeira até parece que ela o acha muito...mas depois percebi porquê e não é que ela tem razão. É daqueles gajos que não se recomendam.


Conclusão da noite: Se houver um escumalha num raio de 1km é mesmo por esse que eu vou ficar caidinha. A parte boa da coisa é que depois as expectativas não são altas.
Então não é que anda outr'a Gaja nesta coisa da Blogsfera... fiquei triste, muito triste :'(

Frase do dia #3

(Sem querer ferir susceptibilidades e nem ofender religiões)

Não sou Deus Nosso Senhor nem Jesus Cristo por isso não esperem que eu faça milagres.
 (não sabiam, pois então ficam a saber)

terça-feira, 6 de abril de 2010

E tentem lá adivinhar quem é que já conseguiu enviar a declaração de irs via internet?!?


a Gaja 

Desta fez consegui preenche-la em 4 minutos e foi enviada logo à primeira...

segunda-feira, 5 de abril de 2010

Primeiro levo 90 minutos a fazer o irs pela Internet...e no fim dá erro a enviar... Ninguém merece, e cá estamos nesta coisa do vai não vai há 20 minutos e vou ter que desistir...se fico chateada?!? Fico fula da vida...saiam da minha frente e não me falem de irs até o conseguir enviar...(é que já me doem os dedos de escrever a palavra pass)

domingo, 4 de abril de 2010

Domingos à tarde em casa e dá nisto

Está a dar o típico filme em que um gajo dança muito bem e eventualmente mora num gueto, vai ajudar uma miúda rica a dançar ainda melhor...resumindo apaixonam-se e vivem felizes para sempre.
E é ver-me toda derretida a olhar para a tv porque adorava saber dançar assim, adorava saber mexer-me mas sou tipo pé de chumbo...onde anda aquele rapazolas (o tal) para me ensinar a dançar. Where is???



E já agora pode ser assim como o do filme, alto e giro... sim , sei que estou a pedir demais, mas sonhar não custa...;P

E se eu fosse...

 
Elas deram a ideia e eu copiei...directamente do Sinto-te Falta, Arco íris de sentimentos, Carpe Diem!
  • Se eu fosse um mês seria: Dezembro 
  • Se eu fosse um dia da semana seria: Terça
  • Se eu fosse um número seria: 21
  • Se eu fosse um planeta seria:  Júpiter
  • Se eu fosse uma direcção seria:Sul
  • Se eu fosse um móvel seria:Cama
  • Se eu fosse um liquido seria: Chá verde e menta
  • Se eu fosse um pecado seria: Preguiça
  • Se eu fosse uma árvore seria: Carvalho
  • Se eu fosse uma fruta seria: Cereja
  • Se eu fosse uma flor seria: Uma orquídea
  • Se eu fosse um clima seria: Mediterrâneo
  • Se eu fosse um instrumento musical seria: Piano
  • Se eu fosse um elemento seria: Terra
  • Se eu fosse uma cor seria: Castanho
  • Se eu fosse um animal seria: Uma tartaruga
  • Se eu fosse um som seria: O som da chuva a bater na janela
  • Se eu fosse um estilo de musica seria: Uma grande mistura de tudo...e faria sucesso, garanto
  • Se eu fosse um perfume seria:Jean Paul Gaultier
  • Se eu fosse um livro seria: Para a Minha Irmã, Baunilha e Chocolate, Orgulho e Preconceito
  • Se eu fosse um lugar (cidade ) seria: Faro
  • Se eu fosse um gosto seria: Agridoce
  • Se eu fosse uma palavra seria: gaja
  • Se eu fosse um verbo seria: Pensar
  • Se eu fosse um objecto seria: Uma moldura
  • Se eu fosse uma roupa seria: Um cachecol
  • Se eu fosse uma parte do corpo seria: Os lábios
  • Se eu fosse um desenho animado seria: Goofy
  • Se eu fosse forma seria: redonda, lol
  • Se eu fosse uma estação seria: Inverno

sábado, 3 de abril de 2010

Dúvida Existencial

Alguém que me explique o porquê dos ovos de Páscoa e do Coelho. Não entendo a ligação destes dois.


(Reparem bem na imagem e do coelho tirem só aquele narizinho e ponham um focinho de cão, era um cão autêntico, será que isto quer dizer alguma coisa?!?)



Já agora alguém que me ofereça um ovo de chocolate, porque em toda a minha vida só recebi 1. O meu sobrinho recebe uns 20 cada ano... há qualquer coisa aqui que não faz sentido!!!

sexta-feira, 2 de abril de 2010

Olhá rubrica aqui do boteco...quase que ficava esquecida esta semana!!!

Ao contrário das outras duas sugestões que não conhecia praticamente nada e que foram uma descoberta, esta semana vou ouvir algo com o qual já estou familiarizada. 
Realmente foi um lapso meu, devia ter começado por aqui, porque quem me sugeriu este cd tem me sugerido muitas outras coisas ao longo de, sensivelmente, 1 ano. Garantidamente que acrescentou novos ritmos à minha vida. Este cd já me acompanha há coisa de 1 mês no carro, agora fica em casa e levo os outros comigo :)
Por isso aqui fica
Dub Fx - Everythink a ripple


Vale bem a pena ouvir por isso desta vez deixo já aqui o link, dêem uma espreitadela só para verem como o gajo faz a coisa, no mínimo interessante e o resultado é fantástico.

Até agora agradeço todas as sugestões que me deram, as que ainda não passaram aqui não foram esquecidas, para a semana há mais :)

O cd da semana foi...

...Incubus, Make Yourself. A dizer tenho que pensava que era um som bem mais comercial, não amei mas é um bom cd para as minhas pedaladas, dá-me pica. Preciso de o ouvir mais uns tempos por isso já está no mp3 para me acompanhar... cá fica a minha música favorita. Ia pôr o video mas não vou há muito tempo ao You Tube e qualquer coisa mudou para aqueles lados e não consegui trazer o vídeo para aqui...