Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Novembro, 2011

Saltimbanco

Às vezes sinto-me como um saltimbanco. Sinto que não criei raízes em lugar algum e com ninguém. Sinto que sou um ser estranho para quem me rodeia. Sinto que não dou o melhor de mim. Às vezes sinto-me deslocada, como se não pertence-se a lugar algum. Como se estivesse sozinha, sem capacidade de comunicar com o que me rodeia. Por isso, só queria ter asas e voar para um lugar onde pudesse sentir que faço parte integrante de algo, que sou uma parte para fazer o todo. Acho que isto é do Natal se estar a aproximar e o espírito natalício estar num outro lugar qualquer que não no meu coração.

E eu que não gosto de coco!

Sempre disse que detestava coco. Mas acho que com a idade isso está a passar. Então não é que uma amiga minha me ofereceu uns biscoitos de coco e dei uma dentadinha num enquanto bebericava o chá e quando vi o pacotinho já estava vazio. Vá lá que só tinha 4 biscoitos, porque se fosse mais nem quero pensar.

E não é que hoje é greve geral!!!

E logo hoje que me dói a barriga. Será que o meu patrão vai perceber que não me dói a barriga de propósito e que na realidade não quero fazer mais nada que ficar alampada no sofá?! Agora é que reparei, quem fizer greve hoje, vai ter 3 semanas a trabalhar menos um dia, e pontes também vão ter nos feriados?1?...hum. As coisas estão más, mas na minha área, a função pública é o que me espera. Antes detestava a ideia, agora, mesmo com as medidas de austeridade, não é coisa que me aflija. O que vier, será.

O momento: BASTA

Tem de chegar o dia em que percebemos que chegou o momento: BASTA.  Este basta é o fim de fazermos tudo pelos outros e nós ficarmos sempre em segundo plano. Faço sempre tudo para agradar os outros e quando chega o momento de fazer algo por mim, deixo-me cair por terra e nunca faço o que devo fazer por mim. Só espero que este momento chegue rápido, rapidinho.

Feelings Nothing more than feelings Trying to forget my Feelings of hate*

Não preciso de dizer ao mundo quando estou feliz ou triste, se a vida me corre bem ou não, se me sinto só ou acompanhada. Não preciso de ser um livro aberto para ninguém, apenas preciso de ser fiel aos meus sentimentos. E esses sacanas, neste preciso momento, estão um bocado para o confusos. E por isso tirei estes dias para retiro pessoal e para esclarecer tudo nesta santa cabecinha. Acho que amanhã já encontrei o tal ponto de equilíbrio que procuro. Se não encontrar a vida também não para...para a frente é que é caminho.
*Letra música de Offspring - Feelings

Domingo

Ainda não sei se gosto dos domingos ou não. Se tenho que trabalhar ao domingo aborrece-me porque é domingo. Se não trabalho aborrece-me porque não faço nada. Hoje foi dia de total preguicite. Dormi o dia todo, vi filmes e mais filmes. Agora que devia de ser mais que horas de ir para a caminha, aqui estou eu. Não há sono por perto, nem vontade de ler e muito menos de ver filmes...os domingos são chatos,lol

Apetece-me!!

Pegar na chave do carro e ir. Ir correr o país, à descoberta de coisas novas, pessoas novas, lugares novos...  Eu, a estrada e os meus pensamentos.  Desde sempre que desejo ir, assim, à descoberta.  Sempre me faltou a coragem, até ao dia.

Sessão de Cinema: Amanhecer

Há pois é, é já neste Sábado que vou ao cinema ver o quarto filme da saga Twilight. Pareço uma criança de 5 anos à espera de algo que quero muito. E é verdade quero muito ver o filme.  Adorei os livros, os filmes nem tanto mas mesmo assim estão bons. Acho que todas as pessoas quando lêem um livro fazem o seu prórpio filme pessoal e depois quando vemos os verdadeiros filmes ficamos sempre um pouco decepcionadas, mas acho que faz parte.  Como já li os livros há muito tempo, agora que estou a rever os filmes para conseguir apanhar o fio da meada no Sábado, estou a gostar mais. E já quase que fiquei com a lagrimita no canto do olho a ver a Bella a morrer por dentro sem o seu amor...só por isto, queria apaixonar-me e viver um grande amor, podia era ser com o lobisomem porque para frio já basto eu...

Preço Certo

O que começou com um brincadeira, acabou com um bom prémio. Uma amiga minha inscreveu-se no Preço Certo por mera brincadeira e foi chamada, mas como tinha que levar um grupo de pessoas ainda pensou em desistir. Insistimos e tentámos arranjar o numero de pessoas para ela poder participar. A familia dela conseguiu uma carrinha da Junta de Freguesia e lá foram eles todos pimposos. Não é que a magana ganhou o prémio final. Eu não fui, tive de trabalhar, mas, assisti em directo. Na minha loja tudo parou a olhar para mim com o berro que dei e com os pulinhos de alegria quando vi que ela ganhou. Foi merecido, ela merecia...parabéns Miguxa :) torci por ti até ao fim mesmo sem ouvir uma palavra do programa.
A minha mãe foi, era ver ela toda contente a ver o Gordo ao vivo.

Não é nada barato tentar ser uma Nigella

Há uns bons tempos a minha irmã presenteou-me com um livro da Nigella. Na altura como anda va a fazer uma dieta muito restrita não podia cozinhar nada daquelas receitas, mas, uma vez que a dieta já foi à vida, ando tentada a cozinhar algumas (quase todas) as receitas do livro que tenho. Os doces são muito calóricos e a própria comida em si também. Mas além desse pequeno grande detalhe ainda temos os detalhes dos ingredientes. Algumas receitas são simples e não levam nada de mal mas em compensação há outras que levam ingredientes que nem sei o que são e pior que isso é o preço de alguns. Agora mesmo deparei-me com um molho de saldada que leva um vinagre que cada garrafita custa o valor simbólico de 15,20€. Sou só eu achar que é assim para o carote?!?Sei que não vou usar aquilo a todo o momento mas mesmo assim... Se alguns ingredientes forem assim tão caros, é coisa para deixar de querer armar-me em Nigella, ou se é...

Casa dos Segredos ou a peixeirada à boa moda do Português

Isto já começa a enjoar. A sério minha gente. Eu não sou uma espectadora assídua mas de vez em quando também me dou ao luxo de ver tal programa educativo na tv. Ontem deparei-me com aquela inteligência magnífica da Cátia e fiquei estupefacta. Não acredito minimamente que ela seja assim tão burra e cada vez mais acredito que ela faz aquele papel muito bem feito. Afinal ela é uma auxiliar de qualquer coisa a nível de saúde (lamento o facto de não saber mas percebi que trabalhava com idosos). Será que não haverá uma taxa de mortalidade elevada com o grupo que ela trabalha, é que com tamanha burrice a mulher deve trocar os medicamentos todos. Ou anda a dar-lhes mais saúde ou então não sei não. O caso mais falado Fanny e João M. já aborrece. São só amigos mas discutem como namorados e só falta saltarem para cima um do outro. O ex ou sei lá dela é que foi esperto, admitiu em directo que está a tirar proveito de ser um cornudinho. Seria parvo se não o fizesse. É triste ser conhecido por ser co…

Porque é que eu não posso ouvir música na rua?!?

Porque lá vou eu, rua acima, com os phones nos ouvidos e quando dou por mim já estou a cantarolar e as pessoas a olharem para mim. Se ao menos eu soubesse cantar, aí a história era outra.

Quero!

Quero ir a uma casa de Fados. Quero viajar. Quero mudar de emprego. Quero conseguir correr uma mini maratona. Quero aprender uma profissão. Quero tomar uma decisão importante. Quero participar num programa de cultura geral. Quero fazer todas as receitas dos meus livros de culinária. Quero ir ver aquele concerto, o tal (só ainda não sei qual) Quero apanhar um bouquet (é verdade que já apanhei um, mas como o devolvi acho que fiquei enfeitiçada) Quero muito viajar. Quero acreditar.

Adoro!!!

Desde que a Swatch lançou a colecção de Bijoux que ando de olho neste lindo anel. Adoro-o. Sempre que passava pela loja da marca aqui da cidade ou por qualquer relojoaria/ourivesaria que vendesse a marca, ficava ali a babar-me. Esta semana ganhei coragem, entrei e comprei. Foi a loucura do momento. Eu que não sou nada dada a estas coisas de anéis/pulseiras/fios/brincos e todo e qualquer género de adereços, achei um pouco carote, mas até deve estar dentro do preço porque de outra forma não se venderia. o meu receio é que não use, que me esqueça e depois é dinheiro empatado, mas agora já está e ele já está no meu dedinho de cachalote. Entretanto, já ando de olho nuns anéis da colecção da Pandora, se me habituar a usar lá terei de comprar.  Mas esses são três para fazer a combinação que gostei, logo deve sair bem mais caro. Mas é lindo, não é?

Há coisas fantásticas...

Sei que isto não interessa a ninguém e que vou estar a fazer publicidade gratuita, mas, as Mini Cookies com pepitas da marca Pingo Doce são fantásticas. Os pacotes são pequenos mas enormes, são doces q.b., têm o tamanho certo e combinam maravilhosamente com o meu chazinho da Lipton.  Os srs do Pingo Doce bem que podiam agradecer esta minha publicidade gratuita e mandar-me uns pacotinhos cá para casa.

Depois, quando eu me queixar que estou tipo baleia, mandem-me passear porque se não fecho a boca então não me posso queixar. Esta semana são só porcarias.

It's sad but true

Por vezes, (nem sempre consigo) tento ser positiva na procura de um emprego relacionado com a minha área de estudo. Com tudo o que ouvimos falar da crise e afins, é coisa para qualquer ser humano com um pouco de consciência ficar reticente com o que o futuro lhe espera. Já não sou recém licenciada porra nenhuma... daqui por pouco tempo já lá vão três anos e trabalho na área que é bom, nada. Nem a porra de um estágio. Pois dizem-me que estou a trabalhar e não me posso candidatar. Mas obviamente que se me escolhessem eu despedia-me. Mas não, tenho que ficar desempregada para depois me poder candidatar.  Entre poucas respostas negativas, nenhumas entrevistas e muito tempo de espera não há trabalho para mim. Já foi o tempo que enviava curriculos para todo o país. Já foi o tempo que enviava para voluntariados e daqueles lugares em que só pagam o subsidio de refeição. Fogo, uma pessoa precisa de dinheiro e não é com 100€ por mês que vive. As respostas ou não respostas continuam a chegar ou nã…

Eu sou mesmo consumista!!!

Comprei e adorei...quase que arrisco a dizer que são os meus preferidos :)  Enquanto procurava a imagem descobri que há uns de menta...quero provar!!!

A calçada portuguesa

Não me venham cá com coisas, que a calçada portuguesa só é má para saltos altos, porque, eu que só ando de sapatilhas também sofro com a calçada portuguesa. Nos dias como hoje, que chove a cantaros lá fora e que tenho de andar por estes passeios cheios de calçada escorregadia é uma ginástica do caraças para não ir de cara ao chão (quem diz cara, também diz rabo,lol). Sim, porque para quem não sabe calçada molhada e sapatilhas são duas coisas que não combinam. E não há marcas de sapatilhas melhores que outras, porque já experimentei montes de marcas diferentes, solas diferentes e a coisa é sempre a mesma, escorregar e cair de rabo no chão...

Hoje é dia de cinema!!!

Mas cinema verdadeiro,lol, com direito a gastar balúrdios num bilhete e num balde de pipocas :) Ainda não sei o que vou ver mas pareço uma criança de 5 aninhos quando a presenteiam com algo que ela realmente quer. Já não vou ao cinema há coisa de 10 meses... já era tempo de me deixar levar pelo fascínio do cinema e de me deixar de ver filmes no conforto do meu sofá.