domingo, 3 de fevereiro de 2013


Neste momento acredito piamente que os acasos são uma treta. Um simples acaso da vida, algo de tão simples, que pensamos que não pode ter repercussões tão desastrosas a longo prazo e tem. Algo que nos faz duvidar de tudo o que nos rodeia e da veracidade das pessoas. Ou sou eu que ando muito descrente ou, muito sinceramente, este não é de todo o mundo em que eu gostava de viver.
As pessoas decepcionam-me (da mesma forma que as decepciono a elas constantemente), fazem-me desacreditar do todo que me rodeia.

2 comentários:

  1. sinto a mesma coisa. as pessoas são estranhas.. e muitas delas de pouca confiança. mas somos seres sociais e precisamos todos uns dos outros!

    ResponderEliminar
  2. Há muita gente por ai a desiludir-me, se há... e com cada desilusão que apanho mais me questiono, como se pode confiar nas pessoas? A maioria não são de confiança!

    ResponderEliminar