Das mudanças


Pior que mudar é não saber para o que se muda. As especulações são muitas, as perguntas são aos milhares, as respostas até agora são zero.
Não é que não goste da mudança, não é que não compreenda, não é que não aceite. 

É só porque não temos respostas nenhumas e somos bombardeados com perguntas de todo o tipo. 
Eu tenho inúmeras dúvidas na minha cabeça e não há ninguém que me responda e que me esclareça.

Se acho que o problema era não nos terem avisado mais cedo para nos prepararmos, agora acho que nos deviam ter avisado no próprio dia. 
A minha cabeça está a mil, o meu cérebro está esgotado, preciso de paz e de respostas e por essas ainda tenho de esperar uma semana. Pior que mudanças é a espera e esta está a dar cabo da minha sanidade mental.

Ainda por cima quando cai uma coisa parece que o resto desaba também. 

Comentários