Discriminação

Trabalho, pago contas e faço os respectivos descontos. Não sou uma pessoa de classe alta. Sou aquilo a que se chama classe média no limiar da pobreza. Cumpro as leis impostas para viver em sociedade e não provoco desacatos. Neste momento considero-me vitima de descriminação. Há 2 meses partiram o meu carro, que estava estacionado e bem estacionado juntamente com outros carros. Com o meu foram mais 2 carros na mesma situação. Até hoje estou privada do meu carro, sem carro de substituição e com uma despesa de 1500€ para pagar. 
O que me revolta é que há testemunhas, há um auto da policia e há uma detenção, mas a seguradora não se responsabiliza. Quem me bateu, a mim e aos outros que estavam perto do meu, foi um individuo de etnia cigana que estava com álcool, sem carta mas que tinha o carro segurado. Uma vez que o carro está segurado, a companhia de seguros tem de se responsabilizar. Mas como falamos de um individuo de etnia cigana que nunca irá devolver o que a seguradora perde, o seguro vai ser cancelado antes do acidente. A lei protege as seguradoras neste caso e eu pergunto, quem me protege a mim que trabalho, pago impostos e cumpro todas as leis para poder viver em sociedade. 
Agora pergunto, para que tirei eu a carta de condução, porque comprei um carro e porque sou obrigada a pagar um seguro e um imposto de selo. Onde é que a lei está do meu lado. 
A novela continua e vai continuar. Revolta e tristeza é o que sinto neste momento e desde há 2 meses para cá. É triste nós estimarmos algo nosso e vir alguém destruir e ninguém fazer com que se pague. Tudo o que mete indivíduos desta etnia, acaba assim, de forma alguma. Porque todo o mundo tem medo de retaliações e afins. Juro que não entendo. O governo dá mais a estes indivíduos do que a qualquer um de nós e nem são eles que os elegem.

Comentários

  1. É por essas e outras que depois nasce a vontade de fazer vigorar a lei do "olho por olho, dente por dente"...Boa Sorte Gaja!!!!....e Bom dia:)

    ResponderEliminar
  2. O fundo de garantia automóvel nao se aplica nesses casos?
    É um facto, nesses casos as seguraores desresponsabilizam-se... Tenta descobrir quem é o proprietário do carro e age contra ele... Em ultima instancia ele é responsável, e a minha experiencia de tratamento com ciganos diz-me que nesses casos eles nem se dão ao trabalho de transferir a propriedade dos carros para não terem que pagar o imposto...
    Provavelmente vais lixar um pobre coitado que a unica culpa que tem é a de querer ver-se livre de um chasso, mas pelo menos tens um alvo...

    ResponderEliminar
  3. ffff u eu nem sei a revolta com que estaria na tua situação, quinferno

    ResponderEliminar

Enviar um comentário